A influência cultural sulista na regionalização rondoniense

Autores

  • Simone Gomes Marques Universidade Federal de Rondônia
  • Débora Teixeira Machado Universidade Federal de Rondônia

Palavras-chave:

Territorialidade. Identidade. Cultura

Resumo

Resumo: O proposto artigo nos leva a uma reflexão acerca da territorialidade cultural dos migrantes sulistas que vivem em Rondônia e a influencia que tal cultura possui no espaço em questão. Para compreender e evidenciar a territorialidade, buscou-se bibliografias referentes a temática, bem como a percepção do espaço como reprodução cultural. O estudo norteia-se no processo migratório que ocorreu em Rondônia na década de 70, fruto de uma estratégia geopolítica de ocupação do território. Identificar as diversas relações culturais torna-se relevante para compreender a dinâmica social (re) produzida no espaço, no caso de Rondônia percebe-se uma forte influencia nos hábitos alimentares e festivos.

Biografia do Autor

Simone Gomes Marques, Universidade Federal de Rondônia

Acadêmica de Geografia da Universidade Federal de Rondônia

Débora Teixeira Machado, Universidade Federal de Rondônia

Bacharel em geografia pela Universidade Federal de Rondônia

Downloads

Publicado

10/06/2016

Como Citar

Marques, S. G., & Machado, D. T. (2016). A influência cultural sulista na regionalização rondoniense. Revista De Estudos De Literatura, Cultura E Alteridade - Igarapé, 4(1), 71–81. Recuperado de https://periodicos.unir.br/index.php/igarape/article/view/1601