Dialética e dialéticas: Uma Crítica do Racionalismo Teórico de Esquerda, Visando à Superação do Sectarismo Político na Academia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26568/2359-2087.2022.6613

Palavras-chave:

Dialética. Epistemologia. Gnosiologia. Teoria Crítica. Inconsciente.

Resumo

O ensaio apresenta uma perspectiva atualizadora da Dialética marxista tradicional, de matriz racionalista e objetivista. É estudo teórico que vislumbra a relação unitária entre elementos tidos como opostos: a racionalidade objetiva dos processos produtivos da sociedade e a subjetividade do mundo da cultura. Elabora a crítica ao divisionismo político de vários grupos que se declaram dialéticos, expondo uma avaliação histórica da disseminação da dialética a partir do marxismo político-partidário. Tece uma interpretação da “ortodoxia” atrelada à disputa de poder oriunda dos partidos. Como complemento, expõe a ideia de que a Dialética tradicional, com toda a riqueza metodológica que representa, ficou limitada à perspectiva da consciência, podendo ser enriquecida com estudos do inconsciente e estudos da subjetividade. Aponta como contribuições enriquecedoras à Dialética, a Teoria Crítica da Escola de Frankfurt e estudos da psique humana.

Biografia do Autor

Eneas de Araújo Arrais Neto, Instituto Federal do Ceará - IFCE

Doutorado Sanduiche pelo Institute of Education da University of London - Uk (1998), Doutorado em Educação pela Universidade Federal do Ceará (1999); Pós-doutorado em Filosofia da Arte e Subjetividade pela Ecole des Hautes Etudes en Sciences Sociales-Fr;Pós-Doutorado na UNINOVE em São Paulo, Brasil, em 2013. Docente de Graduação nos cursos de Licenciatura em Matemática, Licenciatura em Letras e Licenciatura em Física, e docente e pesquisador de pós-graduação no PPGArtes/IFCe.

Jerciano Pinheiro Feijó, Instituto Federal do Ceará - IFCE

É doutorando e possui Mestrado em Educação pela Universidade Federal do Ceará, Especialização em Estudos Clássicos (Cultura greco-romana) e graduação em História pela Universidade Regional do Cariri. Atualmente é professor de educação básica e tecnológica do Instituto Federal do Ceará - Campus Caucaia. Tem experiência na área de Sociologia, Antropologia História e Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação, educação profissional, capitalismo, cultura popular, literatura popular e cariri.

Antonia de Abreu Sousa, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE

Doutora em Educação com ênfase em Financiamento da Educação, pela Universidade Federal do Ceará. Atualmente desenvolve suas atividades de docência no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará - IFCE. É integrante do Núcleo de Pesquisa em Educação Profissional (NUPEP) e do Laboratório de Estudos sobre o Trabalho e Qualificação Profissional (LABOR). Professora colaboradora do Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira da Universidade Federal do Ceará (UFC), possui experiência na área de Educação, escrevendo principalmente sobre os seguintes temas: trabalho-educação, políticas educacionais, legislação da educação brasileira, estado e financiamento.

Referências

ADORNO, Theodor. Dialética Negativa. Rio de Janeiro, Zahar, 2009.

NETO, E. A.; ARRAIS, R. H. Dialética, marxismo multidiscipinar e os estudos da psique. Revista Labor, v. 1, n. 12, p. 21-40, Jun. 2014. Acesso em: 26/10/19

ASSOUN, Paul-Laurent. A escola de Frankfurt. São Paulo, Ática, 1991.

ATTALI, Jacques. Karl Marx ou L’esprit du monde. Paris, Fayard, 2005.

BENSAID, Daniel. Marx, manual de instruções. São Paulo, Boitempo, 2014

FREUD, Sigmund. O mal-estar na Cultura. Porto Alegre, LP/M, 2011.

GRAMSCI. Antonio. Concepção Dialética da História. Trad. Carlos Nelson Coutinho. Rio de Janeiro-RJ, Editora Civilização Brasileira, 1987. 7ª ed.

ILYENKOV, Evald. Dialectics of the Abstract and the Concrete in Marx’s Capital. Moscou, Progress Publishers, 1982.

IANNI, Octávio (org). Marx. São Paulo, Ática, 1992.

KOSIK, Karel. Dialética do Concreto. Rio de Janeiro, Paz e Terra, 1976.

LEFEBVRE, Henri. Marxismo. Porto Alegre, LPM, 2011.

LUKÁCS, Georg. História e Consciência de Classe. São Paulo, Martins Fontes, 2003.

MATTHEWS, Eric. Compreender Merleau-Ponty. Petrópolis, Vozes, 2010.

McLELLAN, David. Karl Marx – Vida e Pensamento. Petrópolis, Vozes, 1990.

MERLEAU-PONTY, Maurice. As Aventuras da Dialética. São Paulo, Martins Fontes, 2006.

MERLEAU-PONTY, Maurice. O Visível e o Invisível.São Paulo, Perspectiva, 2012.

SARTRE, Jean-Paul. Critique de la Raison Dialectique. Paris, Gallimard, 1985.

Downloads

Publicado

23/01/2022

Como Citar

ARRAIS NETO, E. de A.; FEIJÓ, J. P.; SOUSA, A. de A. Dialética e dialéticas: Uma Crítica do Racionalismo Teórico de Esquerda, Visando à Superação do Sectarismo Político na Academia. EDUCA - Revista Multidisciplinar em Educação, [S. l.], v. 9, p. 1–17, 2022. DOI: 10.26568/2359-2087.2022.6613. Disponível em: https://periodicos.unir.br/index.php/EDUCA/article/view/6613. Acesso em: 30 set. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Temático